terça-feira, 7 de agosto de 2012

Partido nacionalista grego distribui alimentos


O partido de extrema direita grego Aurora Dourada distribuiu comida a centenas de pessoas em Atenas. No entanto, apenas eram merecedores da solidariedade aqueles que demonstrassem ser cidadãos "100% gregos". 


Centenas de pessoas fizeram fila na Praça Syntagma, em frente ao parlamento grego, para receber massa, leite, batatas, óleo e outros bens de primeira necessidade. A cada um era pedido que apresentasse documentos que provassem a sua nacionalidade.


Ilias Kasidiaris, deputado do Aurora Dourada, afirmou à Reuters TV que tinham comprado "exclusivamente produtos gregos para dar ao povo grego". "Estamos na Grécia, os gregos têm prioridade. Os imigrantes ilegais que vieram para aqui, que gozam de todos os direitos e privilégios que vêm dos impostos gregos são ilegais, invasores. Eles são uma ameaça para a Grécia", acrescentou o colega Christos Pappas.


O jornal grego Kathimerini noticiou que o evento ocorreu apesar de ter sido proibido pelas autoridades que não queriam que acontecesse na Praça Syntagma, palco dos protestos contra as medidas de austeridade do Governo de Atenas. A distribuição foi feita por voluntários do partido que vestiam camisolas negras.


O partido grego já protagonizou diversas polémicas desde que nas eleições de maio deste ano conquistou 18 assentos parlamentares dos 300 a votos. A campanha do Aurora Dourada foi explicitamente contra a imigração e nacionalista. A crise da dívida fez subir a taxa de desemprego na Grécia até aos 23%.

Nenhum comentário:

Postar um comentário